e o blog da petrobrás

E a Petrobrás mais uma vez mostra ser uma empresa extremamente ágil e inteligente: Lançou um blog, Petrobrás: Fatos e Dados aonde publica na íntegra todas as entrevistas concedidas, com todas as respostas. Emprestando um neologismo PauloHenriqueAmorin-zístico, o PIG ficou maluco com isso.

Vejamos a nota de repúdio da Associação Nacional de Jornais (ANJ):

“A Associação Nacional de Jornais (ANJ) manifesta seu repúdio pela atitude antiética e esquiva com que a Petrobras vem tratando os questionamentos que lhe são dirigidos pelos jornais brasileiros, em particular por O Globo, Folha de S.Paulo e O Estado de S. Paulo, que nas últimas semanas publicaram reportagens sobre evidências de irregularidades e de favorecimento político em contratos assinados pela estatal e suas controladas.

Ok, Globo Folha e O Estado são contra o blog, até aí acompanhamos.

Numa canhestra tentativa de intimidar jornais e jornalistas, a empresa criou um blog no qual divulga as perguntas enviadas à sua assessoria de imprensa pelos jornalistas antes mesmo de publicadas as matérias às quais se referem, numa inaceitável quebra da confidencialidade que deve orientar a relação entre jornalistas e suas fontes.

Peraí, confidencialidade? Liberdade de imprensa só é bom no olho dos outros? A informação é de uma empresa pública. Quem poderia reclamar de alguma confidencialidade ou não seria a empresa, não o contrário.

Como se não bastasse essa prática contrária aos princípios universais de liberdade de imprensa, os e-mails de resposta da assessoria incluem ameaças de processo no caso de suas informações não receberem um ‘tratamento adequado’.

Opa, agora eu me perdi depois desse salto mortal logístico. Se eu entendi direito, a publicação irrestrita de informações da Petrobrás é contrária à liberdade de imprensa? “Tratamento adequado” seria o quê então?

Tal advertência intimidatória, mais que um desrespeito aos profissionais de imprensa, configura uma violação do direito da sociedade a ser livremente informada, pois evidencia uma política de comunicação que visa a tutelar a opinião pública, negando-se ao democrático escrutínio de seus atos.

De novo! A publicação irrestrita de informação é uma violação do direito da sociedade a ser livremente informada!

Júlio César Mesquita, vice-presidente da ANJ e responsável pelo Comitê de Liberdade de Expressão”

O senhor Júlio César Mesquita deveria ter vergonha de assinar tal coleção de falácias.

One thought on “e o blog da petrobrás

  1. Pois é, eu fiquei achando exatamente o mesmo desse imbróglio todo. Qual princípio ético, afinal, estaria infringindo a Petrobrás?

    O fato de a Petrobrás publicar a entrevista em um blog pouco frequentado não está vetando a publicação nos jornais de grande circulação! E os jornais ainda fazem um desserviço a sua “causa”, ao noticiar o tal blog. A única coisa que muda é que os jornais não vão poder manipular o texto da entrevista, o que me parece ser benéfico à sociedade.

    Gostei tanto da iniciativa que acho que todo mundo que tem algum tipo de imagem pública a zelar (celebridade, empresas, times de futebol) deveria começar a fazer. Vejam o caso do Internacional! Já faz pelo menos uns três anos que a Zero Hora tenta vender o Nilmar, para depois ser desmentida pelo clube. Quer dizer, quando a imprensa estabelecida dá um furo errado, não pega nada; mas quando ousam tirar-lhe o louvor de um furo, aimeudeusqueabsurdo?

    Brasil brasil…

Comments are closed.