Lei Azeredo, o retorno

Como muito bem lembrou nosso amigo Roberto Teixeira, a Lei Azeredo volta à baila, dessa vez para aprovação no congresso. Acho que ele não se importará da reprodução na íntegra do post dele comentando a Lei Azeredo e a bem humorada crítica feita pelo Guilherme:

O título é impreciso, já que o projeto jamais sumiu, apenas foi “esquecido” por nós por um tempo. De qualquer modo, com o projeto da infame “Lei Azeredo” já aprovado pelo Senado e às vésperas de votação pelo Congresso, acho oportuno lembrar a todos sobre uma tirinha que ficou famosa há um par de anos, quando o Senado estava para votar o projeto, uma flatulência estatizante e policial do Exmo. Sr. Senador Eduardo Azeredo.

Sem mais delongas: com vocês A Nova Internet Brasileira, de Guilherme Manika.

Convido a todos a postarem links para a tirinha em seus blogs e twits como uma forma bem-humorada de protesto contra um projeto de lei antologicamente latino-americano.

One thought on “Lei Azeredo, o retorno

  1. O senhor tem noção de ter incorrido em crime previsto pela Lei do Exmo. Sr. Senador Eduardo Azevedo ao ter copiado meu texto sem minha expressa autorização?

    Teje preso!

Comments are closed.